21 de fev de 2018

Adormeci (...)


Na incompreensão, eu fui mera aprendiz que caiu no asfalto.
Tropecei nos meus próprios pensamentos, e aguento as consequências por não ter pensado.
Irônico não? Fato. Escrevi nas costas, sofrimento. E o tempo não apagou.
Difícil mudar o destino de quem plantou dor. Difícil colher paz.
Passam das 3 da manhã, e eu só, na escuridão, me culpando pelos rumos que não tomei. De nada adianta.
A lágrima molha meu rosto cheio de marcas. Embaixo do lençol, estão minhas maiores confissões. Tenho alguém que me tem como felicidade. Também o tenho, desabafo e o amo. Mas eu ando em conflito comigo, coisas que o amor minimiza, mas não cura.
Noite a dentro, chuva de verão. Sei que quando abrir os olhos, o sol me ofuscará, depois da tempestade como diz aquelas palavras sagradas. Por enquanto, essas gotas frias me molham por dentro. Adormeci.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

© Blog Personalizado - Blog Tweed - 2014. Todos os direitos reservados.
Criado por: Thaís Oliveira.
Tecnologia do Blogger.