12 de nov de 2014

Última Carta (...)



Fazia tempo que eu não visitava meu porão. Escuro, tão cheio de baús, tão cheio de cartas velhas, dentre elas, a primeira que você me escreveu. Lembro que fiquei espantada quando a recebi, até porque você nunca foi muito bom com as palavras. Mesmo com poeira, resolvi abri-la...

De: Roberto  
Para: Pamela

"Suas cores, seu jeito, sua bondade. É tudo tão lindo, assim como sua face delicada.
É o teu sorriso que move os meus dias, tão cheios de saudades a cada vez que se vai.
É a sua voz, que de longe, já me acalma. É o teu cheiro, é a tua presença, teu beijo. É você que eu amo e sempre amarei. Minha 'arg' rs"

Tudo muda, e troca de posição. As vezes a gente quer que o passado volte, por ter sido bom, mas não lembramos que no presente, ele não seria assim tão doce, e o futuro, talvez nem viesse a existir. Até eu entender isso, guardei essa carta até hoje. Chegou a hora de queimá-la.

Mais uma revirada, e eu encontrei algumas fotos. Éramos um par perfeito, com inúmeros defeitos, que eu, apaixonada, preferi chamar de 'meras diferenças'. Diferenças essas, que só aumentaram e nos levaram a outros pontos de vista. Um fora do outro. Independentes e indiferentes. Ainda bem, foto rasgada com sucesso.

O "eu te amo", virou "tanto faz". O abraço, virou um forçado "oi". Bruscas mudanças que me despedaçaram por completo. Demorei a aceitar, mas tudo nessa vida passa. Passou mesmo, assim, simplesmente. Ah, e retribuindo as cartas...

De: Pamela
Para: Roberto 

Um amor que me sufocou de tão maravilhoso, que me despedaçou, 
e ao mesmo tempo me ensinou muito. Muito obrigada por me fazer sofrer. Você só contribuiu na formação de uma Pamela muito mais forte, e preparada pra enfrentar obstáculos.
Não espero resposta, mas sim que você tente ser feliz. 

Abraços, Sr. Tanto Faz

Nenhum comentário:

Postar um comentário

© Blog Personalizado - Blog Tweed - 2014. Todos os direitos reservados.
Criado por: Thaís Oliveira.
Tecnologia do Blogger.